Muito sertanejo e funk fecham programação musical da 65ª Festa do Peão

Sertanejo em dose tripla e para encerrar funk. A última noite de shows da 65ª Festa do Peão de Barretos foi coroada de muito sertanejo e um verdadeiro baile funk na maior arena da América Latina. A programação no palco principal foi aberta com o show de Gustavo Mioto e seguiu com Diego & Victor Hugo, Zé Neto & Cristiano e encerrou com o agito do Dennis DJ. Já o Palco Amanhecer recebeu as duplas Leo & Raphael, Douglas & Vinicius, Neto & Junior e o cantor Hungria.

Completando dez anos de carreira, Gustavo Mioto subiu ao palco do ‘Barretão’ com a arena lotada e cantou seus maiores sucessos. O repertório que incluiu hits como ‘Solteiro Não Trai’, ‘Coladinha em Mim’, ‘Anti-Amor’, ‘Plaquinha de Aviso’, ‘Com ou Sem Mim’ foi aprovado pelo público. Não faltou é claro, o momento ‘modão’ e músicas de outros artistas consagrados no universo sertanejo.

Gustavo Mioto aproveitou a oportunidade de estar pela segunda vez em Barretos para gravar um DVD sem cortes, avisou que o vídeo será publicado em seu canal e pediu o apoio dos fãs. Simpático, ele conversou o público, posou para fotos e, assim como outros cantores que passaram pela Arena de Barretos, homenageou a eterna rainha da sofrência, Marília Mendonça.

Em ‘Impressionando os Anjos’, composição de Mioto que conta a história de um pai que luta para criar os filhos sozinho, por conta da morte da mulher, a emoção tomou conta do público que cantou junto em um só coro. “Essa música foi lançada há seis anos e mudou minha vida. Muitos de vocês podem ter me conhecido por ela. É uma das responsáveis por eu estar aqui”, contou.

Donos do hit ‘Facas’, a dupla Diego & Victor Hugo foi a segunda atração da noite. Os mineiros de Uberlândia empolgaram o público com um show animado composto por uma playlist de sucessos que desde 2020, ocupam a lista das mais tocadas nas plataformas de streaming. Na lista, músicas como ‘Pisadinha’, ‘Desbloqueado’, ‘Prefiro Nem Perguntar’, ‘Do Copo Eu Vim’, e ‘Áudio’ foram cantadas com entusiasmo junto aos artistas.

“Esse é o momento mais importante e emocionante da nossa carreira, cantar para essa arena linda. Estamos sonhando há 15 anos ter nossa música reconhecida. É um sonho realizado. Obrigado a todos os presentes. É graças a vocês”, disse Victor Hugo na abertura do show.

A música ‘Estrelinha’ marcou o momento de homenagem à cantora Marília Mendonça que teve diversas fotos exibidas no telão. Em seguida, os cantores apresentaram a canção ‘Sinal da Oração’, deram espaço para as músicas românticas, as tradicionais modas de viola e sucessos de outros artistas do cenário sertanejo.

Terceira atração da noite no palco principal, a dupla Zé Neto & Cristiano levou o público ao delírio com o show da turnê ‘Chama’. No ranking das mais tocadas em todo país, as faixas ‘Você Beberia ou Não Beberia’, ‘Vamo Tomar Uma’, ‘Ela e Ela’ e ‘Chaaama’ ´ganharam coro de milhares de vozes e consagraram mais uma vez os cantores, da vizinha São José do Rio Preto, na Festa do Peão de Barretos.

Emocionado, Zé Neto agradeceu a presença de todos e falou do momento delicado pelo qual está passando. “Estou com quase 100% da voz. Cheguei a pensar na possibilidade de parar, fomos cancelados, mas agora estamos dando mais um passo. Obrigado pelo que fazem pela nossa carreira. Vocês fazem essa festa acontecer. Em oito anos de carreira, é a quinta vez que estamos aqui”, revelou o sertanejo.

Com os celulares ligados e as luzes da arena apagadas, Zé pediu que o público fosse a terceira voz e ao lado do parceiro Cristiano cantou ‘Barzinho Aleatório, música que marcou a carreira da dupla.

O show também contou com os hits ‘Seu Polícia’, ‘Melhor Ser uma Saudade, ‘Alô Ambev’, além de muito modão e berrante no palco. Era perto das 6 horas quando Zé Neto & Cristiano deixaram o palco ovacionados pelo público que ainda lotava a arena.

O domingo já estava amanhecendo quando Dennis DJ subiu ao palco para dar sequência à Festa com muito funk no lugar do sertanejo. A arena nessa hora se transformou em uma verdadeira pista de dança ao som de hits como ‘Soltinha’, ‘Vamos Beber’ e o ‘Medley da Gaiola’.

leia outras matérias

Close Bitnami banner
Bitnami